Faz parte dos mistérios da vida, e nós temos que aceitar, que nem sempre seremos capazes de alcançar tudo o que desejamos e sonhamos, seja por causa de influências externas ou até mesmo por falta de comprometimento de nossa parte. Mas, e se houvesse uma maneira de, em nosso leito de morte, entrar em nossas mentes e manipular as lembranças do que vivemos para que possamos, ao menos nos últimos momentos, alcançar nosso maior desejo de vida?

Justamente essa ideia, que para muitos pode ser considerada algo perturbador, enquanto que para outros seria um sonho, é a proposta do jogo de RPG “To The Moon” (Para a Lua, em tradução direta). Neste Game, cientistas, utilizando de equipamentos de alta tecnologia e de inteligência artificial, conseguem entrar na mente de pessoas à beira da morte, viajar por suas lembranças e alterá-las para poder realizar os seus últimos desejos, e assim permitir que elas descansem em paz.

Em To The Moon nós assumimos o papel de dois cientistas que entrarão na mente de Johnny, um senhor já com poucos dias de vida, para realizar seu maior sonho: pisar na Lua. E então, permitir que ele possa viver mais essa experiência antes de partir deste mundo.

Melhor que explicar o jogo é poder ver um pouco sobre ele, dê uma olhada no trailer:

Enquanto viajamos pela misteriosa e curiosa mente de Johnny, enxergamos suas lembranças e memórias, e somos levados a refletir sobre nossa vida, nossos sonhos e as escolhas que fizemos. Em alguns momentos é até difícil não se emocionar. No decorrer da vida, nós vamos acrescentando memórias em nossa mente, algumas boas, outras nem tanto. Mas o perigo mesmo está na nostalgia disfarçada de boas lembranças, isto é, quando ficamos presos ao passado, deixando de viver o presente.

Por isso, temos que ter muito cuidado com a saudade que sentimos do passado, pois dependendo de como vivemos essa emoção, ela pode ser boa ou ruim. Como assim? Se a lembrança de um momento que você viveu serve de referencial para desafios futuros, ou mesmo para trazer um pequeno momento de saudade, podemos dizer que ela é positiva. Mas, se a lembrança se torna muito frequente, fazendo você se remeter sempre ao passado e gerando um desejo de viver algo que já passou, colocando-o dentro de uma prisão, aí podemos dizer que ela é um grande mal que precisa ser combatido. Memórias e lembranças devem nos tornar pessoas melhores, nos fazer aprender com nossos erros e acertos, e nos ajudar a galgar um futuro que iremos nos orgulhar. Não adianta querer reviver o passado, isso é perigoso e um desperdício com o dom da vida. Por isso, vamos aprender a reviver as nossas memórias de uma forma saudável! Boas e produtivas lembranças!

E se quiser ver o Gameplay completo aqui está!

Você pode baixar e jogar no seu computador e smartphones.Steam, App Store, Google Play Site do Desenvolvedor

Pesquise sem sair da publicação

Artigos mês
fevereiro 2024
S T Q Q S S D
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
26272829  
Siga o nosso instagram

Compartilhe com quem você quer o bem

Talvez você goste também

Deixe um comentário e faça parte da conversa!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência, de acordo com a nossa Política de privacidade . Ao continuar navegando, você concorda com o uso de cookies.

Escute músicas enquanto navega em nosso site.