Fonte: Free library of Filadelfia

Se fizermos uma pequena pesquisa sobre a história da humanidade, vamos encontrar em diversas civilizações, em diferentes momentos históricos, povos que acreditavam na influência da lua nas suas vidas, na natureza, e também no seu poder como força da natureza, alguns até representando-a como uma divindade. Porque será que na tradição da humanidade é tão recorrente este olhar simbólico sobre a lua? Será que ela de fato nos influencia? Será que esta investigação ficou somente no nosso passado?

Influência nas marés

Fonte: Astro Ufes

A ciência nos explica que a influência da lua nas águas do nosso planeta é devido à atração gravitacional. No seu movimento elíptico em volta da Terra, a Lua em alguns momentos mais próxima, “puxa” as águas que, consequentemente, se agitam e elevam o nível do mar. Em contrapartida, quanto mais distante, a atração gravitacional é menor e o nível do mar diminui.

Influência na agricultura

Fonte: Tudo sobre plantas

A atração gravitacional da Lua sobre a Terra faz também com que o fluxo de seiva dos vegetais varie, de acordo com as fases – que conhecemos como Lua Minguante, Lua Nova, Lua Crescente e Lua Cheia – de tal maneira que em cada um destes ciclos se é recomendado um tipo de cuidado, de plantio e de colheita.

Influência nos animais

Fonte: Vix

Basta ter um animalzinho em casa para saber que eles mudam de humor de acordo com a fase da lua. São muito comuns os relatos do quanto os cachorrinhos e gatinhos ficam agitados em dias de Lua Cheia e o quanto ficam quietos e reservados em dias de Lua Minguante, por exemplo. Podemos até refletir se não é desta observação que se surgem as lendas de lobisomens, do boto cor de rosa e tantas outras. 

Animais selvagens também mudam o comportamento de caça para hibernação, ou vice-versa, de acordo com os ciclos da lua, seja porque a iluminação diminui dificultando que os predadores capturem suas presas, ou porque ficam mais vulneráveis com noites mais claras.

Influência em nós

Fonte: Greenco

Será que a Lua e suas fases também nos influenciam? Seres humanos, animais racionais, com capacidade de pensar e não se determinar pelo meio? É algo importante para refletir, já que não estamos à parte da natureza, mas fazemos parte dela. 

Nascemos e morremos assim como tudo que existe na natureza. Nosso corpo é formado pela mesma matéria orgânica dos animais, das plantas, dos campos… Inclusive, se a atração gravitacional da Lua muda os níveis da maré, o que ocorre conosco quando nosso corpo é composto por mais de 70% de água? Temos instintos, humores, assim como os animais.

Mesmo que o meio ao nosso redor nos leve a uma instabilidade no humor ou estimule nossos instintos, a nossa condição humana nos torna capazes de escolher por algo mais humano, estável e duradouro. 

Quantos são os exemplos que temos na história de pessoas inspiradoras que em momentos adversos, sobrepujaram um instinto de sobrevivência para ajudar a todos em volta? Como em casos de incêndio em que alguém volta para ajudar os demais, ou em naufrágios, etc. Quantos são os exemplos de seres humanos que mesmo com o humor não tão favorável, continuaram nobres, disciplinados, cumprindo seus compromissos, sendo justos, harmônicos e estáveis naquilo que achavam válido de ser feito? Como uma Madre Tereza de Calcutá que dedicou toda uma vida a uma causa de ajudar os outros, mesmo quando lhe causava desconforto. Ou um Nelson Mandela que excedeu as emoções de rancor, mágoa, para unir sua Nação rumo a um futuro mais justo.

De fato, nós seres humanos podemos ser influenciados pela natureza, pela Lua e suas fases, mas não somos determinados por elas. Devemos ser determinados pela nossa vontade de construir a nós mesmos, pela vontade de construir um mundo mais estável, mais justo, mais bondoso. 

Nós podemos ser mais inteligentes e nos unir ao projeto da natureza. Assim como as marés que usam os ciclos da lua para se renovar, como as plantas que em cada fase abrem espaço para um novo dia, como os animais que sabem instintivamente a hora de trabalhar, de comer, de descansar, de se resguardar. Temos a possibilidade de fazer uso da razão humana, para nos alinhar as forças da natureza, de tal maneira que façamos nascer e morrer em nós, nos momentos mais propícios, aquilo que está de acordo com o plano que temos para nós mesmos, através da vontade.

Pesquise sem sair da publicação

Artigos mês
fevereiro 2024
S T Q Q S S D
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
26272829  
Siga o nosso instagram

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência, de acordo com a nossa Política de privacidade . Ao continuar navegando, você concorda com o uso de cookies.

Escute músicas enquanto navega em nosso site.